A Hewlett Packard Enterprise aprimora o Intelligent Data Platform para oferecer agilidade e continuidade de negócios incomparáveis

Nos mercados de ritmo acelerado de hoje, as equipes de TI e as empresas não podem perder tempo reagindo a simulações de incêndio e problemas no data center. HPE InfoSight , a IA para infraestrutura mais avançada do setor, ajuda as equipes de TI a se concentrarem nas prioridades de negócios, prevendo e evitando interrupções do armazenamento às máquinas virtuais (VM). A HPE está levando a inteligência para o próximo nível, agindo automaticamente com base na inteligência no HPE Primera para garantir que os aplicativos de missão crítica estejam sempre ativos e rápidos.

O HPE Primera é arquitetado com um mecanismo de IA integrado que processa modelos de aprendizado de máquina treinados globalmente para fornecer previsões em tempo real sobre o comportamento do aplicativo e padrões de desempenho. O HPE Primera age de acordo com as previsões para otimizar as operações do sistema em tempo real, otimizando de forma inteligente e dinâmica a utilização de recursos para garantir um desempenho rápido e previsível.

Além disso, a complexidade da infraestrutura virtualizada torna o desempenho dos aplicativos e o gerenciamento de recursos desafiadores e demorados para a TI. HPE InfoSight para HPE Nimble Storage simplifica radicalmente o gerenciamento de VM e habilita clientes com ambientes Hyper-V com análise cruzada que identifica problemas de desempenho entre armazenamento, VMs e recursos virtuais subutilizados.

Garantir a proteção dos aplicativos requer que os dados estejam localizados em vários locais, com opções flexíveis entre sites para atender a todos os acordos de nível de serviço. O HPE Primera elevou o padrão da indústria para armazenamento de missão crítica com 100% de disponibilidade de dados garantida, e agora inclui HPE Peer Persistence que oferece continuidade de negócios transparente junto com flexibilidade para replicar para um terceiro local para se recuperar de um desastre na área metropolitana, e replicação assíncrona quase instantânea em distâncias estendidas com um objetivo de ponto de recuperação de um minuto.

Com o HPE Nimble Storage, as empresas têm uma plataforma altamente disponível com seis noves de disponibilidade medida, HPE Peer Persistence com failover automático em 2 locais e replicação assíncrona local ou para a nuvem para distâncias estendidas. Além disso, também permite a replicação de três locais – incluindo para a nuvem – oferecendo proteção contra um desastre em toda a área metropolitana junto com a flexibilidade na nuvem para usar dados para teste / desenvolvimento e análises.

Tanto para o HPE Primera quanto para o HPE Nimble Storage, a replicação pode ser configurada em minutos, sem habilidades especializadas de armazenamento, sem taxas de software adicionais e sem serviços profissionais necessários.

Armazenamento inteligente. Sim, é possível prever o futuro

Na segunda metade dos anos 90 foi exibida no Brasil uma série americana que, se não chegou a ser um megassucesso por aqui, pelo menos garantia a audiência na TV aberta. Estou falando de Early Edition, centradana vida de Gary Hobson. Toda manhã, o personagem recebia em sua porta o jornal do dia seguinte, o que lhe dava o privilégio de conhecer os fatos antecipadamente. Com ajuda de alguns amigos e o jornal debaixo do braço, Gary saía pelas ruas de Chicago evitando desastres e salvando vidas.

Assertividade

Se depois de 20 anos os jornais continuam a estampar as notícias do dia anterior, no universo da tecnologia da informação a previsibilidade já é fato. Ela vem pelas mãos da Inteligência Artificial e do Machine Learning, facilitando e muito o trabalho de quem atua na área.

Um dos campos que tem se beneficiado dessa evolução é o gerenciamento de data centers em nuvem híbrida. Hoje, soluções de infraestrutura e de armazenamento conduzidas por IA estão transformando a gestão dos negócios, tornando-a muito mais simples e assertiva. E assertividade é tudo o que se quer quando se está diante de uma estrutura complexa que não pode parar.

Conhecimento compartilhado

Novas ferramentas analisam e correlacionam dados de milhões de sensores instalados em infraestruturas espalhadas pelo mundo. O cruzamento dessas informações permite um aprendizado contínuo, tornando todo o sistema mais inteligente e confiável. As estruturas de armazenamento trocam experiências em tempo real, antecipando problemas e evitando possíveis falhas.

Mas a alta disponibilidade (99,9999%) é apenas uma das características do armazenamento inteligente de dados. Além de garantir fluxos sem interrupções, a partir de análises preditivas a tecnologia viabiliza a otimização das cargas de trabalho, assim como ajustes objetivando a elevação do desempenho.

Previsibilidade

De acordo com estudos do Enterprise Strategy Group, o uso da IA faz com que mais de 80% dos problemas sejam automaticamente previstos e resolvidos, reduzindo drasticamente o tempo gasto com a gestão. Isso porque no armazenamento inteligente o ambiente é constantemente vigiado. Se algum erro é detectado, o sistema consegue solucioná-lo proativamente, evitando inclusive que data centers semelhantes sofram com o mesmo mal. A Inteligência Artificial joga luz em toda a estrutura, incluindo o que já foi e o que está por vir. Esse histórico torna o planejamento muito mais simples, uma vez que as demandas de capacidade, desempenho e largura de banda podem ser previstas com exatidão.

Até o relacionamento com o suporte muda. Aproveitando os dados da estrutura local e confrontando-os com informações globais, ferramentas de armazenamento que empregam IA são capazes de sugerir ajustes de desempenho, fazer recomendações de segurança e mesmo o envio automático de peças e pessoal antes que o problema aconteça.

Diferente da série de TV, todos esses benefícios nada têm de miraculosos ou sobrenaturais. É pura tecnologia aplicada, cujos resultados práticos estamos apenas começando a ver. E isso a torna tão ou mais admirável que uma Early Edition.